Fóruns | Regras de Conduta | Ajuda - FAQ | Se cadastrar | Se conectar


|-  


|||-  Faço feridas na cabeça sem que eu perceba de tanto coçar?

 

Inserir nova resposta

 Palavra :  Usuário:  
Esvazie a lista de mensagens  
 Página :
1
Autor
 Sujet :

Faço feridas na cabeça sem que eu perceba de tanto coçar?

Avisar os moderadores em caso de abuso 
n°9027
lolapp
lolapp
Escrito em 01/08/2014 às 18:23:04  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Pessoal, estou até constrangida, mas preciso me abrir para ter alguma ideia do que pode estar acontecendo comigo: faço feridas na cabeça sem que eu perceba de tanto coçar... "as vezes, acontece durante a noite, dormindo, outras vezes estou concentrada em alguma coisa, pensando ou distraída, quando me dou conta estou coçando o couro cabeludo e não lembro de ter sentido alguma coceira...estou apavorada comigo mesma!
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
(Publicidade)
n°9028
mariajoana​90
mariajoana90
Escrito em 01/08/2014 às 18:24:00  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Apavorada, parece até que estás com raiva de ti mesma. O que é isso menina? Lembro de uma época que o meu filho pequeno estava cheio de feridinhas nas pernas e vivia coçando, não deixando que elas sarassem. O médico disse que ele estava com estafilococos , precisamos fazer um tratamento e depois passou. O teu caso deve ser diferente, talvez relacionado a uma preocupação ou estresse.
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
n°9029
maezona88
maezona88
Escrito em 01/08/2014 às 18:24:25  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Minha amiga, acho que você deve estar atravessando uma fase difícil na sua vida e essa preocupação deve estar se refletindo nesse comportamento estranho. Tenta fazer uma análise para ver se encontras o motivo dessa tua disfunção. Boa sorte!
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
n°9030
mia876
mia876
Escrito em 01/08/2014 às 18:24:58  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Eu tenho uma amiga que passou por uma fase em que estava com sérias dificuldades financeiras e também havia descoberto que o namorado que ela gostava tinha outra. Acabou que ela passou a roer as unhas e a pele ao redor até sangrar, ficou com os dedos todos machucados e disse que não se dava conta do que fazia. Ela teve que procurar uma terapia e com o tempo conseguiu dominar e superar a situação.
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
n°9033
palmira9
palmira9
Escrito em 01/08/2014 às 18:26:56  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Olha, não quero te assustar, mas será que isso não pode ser um sintoma de TOC (transtorno obsessivo compulsivo)? Sei que ele pode se manifestar de diversas formas...



TOC – TRANSTORNO OBSESSIVO-COMPULSIVO

  • A+a-
  • Imprimir

TOC, ou transtorno obsessivo-compulsivo, é um distúrbio psiquiátrico de ansiedade descrito no “Manual de Diagnóstico e Estatística de Transtornos Mentais -DSM.IV” da Associação de Psiquiatria Americana. A principal característica do TOC é a presença de crises recorrentes de obsessões e compulsões.
Entende-se por obsessão pensamentos, ideias e imagens que invadem a pessoa insistentemente, sem que ela queira. Como um disco riscado que se põe a repetir sempre o mesmo ponto da gravação, eles ficam patinando dentro da cabeça e o único jeito para livrar-se deles por algum tempo é realizar o ritual próprio da compulsão, seguindo regras e etapas rígidas e pré-estabelecidas, que ajudam a aliviar a ansiedade. Alguns portadores dessa desordem acham que, se não agirem assim, algo terrível pode acontecer-lhes. No entanto, a ocorrência dos pensamentos obsessivos tende a agravar-se à medida que são realizados os rituais e pode transformar-se num obstáculo não só para a rotina diária da pessoa como para a vida da família inteira.
Em geral, os rituais se desenvolvem nas áreas da limpeza, checagem ou conferência, contagem, organização, simetria, colecionismo, e podem variar ao longo da evolução da doença.
Classificação
Existem dois tipos de TOC:
a) Transtorno obsessivo-compulsivo subclínico – as obsessões e rituais se repetem com frequência, mas não atrapalham a vida da pessoa;
b) Transtorno obsessivo-compulsivo propriamente dito: as obsessões persistem até o exercício da compulsão que alivia a ansiedade.
Causas
As causas do TOC não estão bem esclarecidas. Certamente, trata-se de um problema multifatorial. Estudos sugerem a existência de alterações na comunicação entre determinadas zonas cerebrais que utilizam a serotonina. Fatores psicológicos e histórico familiar também estão entre as possíveis causas desse distúrbio de ansiedade.
Sintomas
Em algumas situações, todas as pessoas podem manifestar rituais compulsivos que não caracterizam o TOC. O principal sintoma da doença é a presença de pensamentos obsessivos que levam à realização de um ritual compulsivo para aplacar a ansiedade que toma conta da pessoa.
Preocupação excessiva com limpeza e higiene pessoal, dificuldade para pronunciar certas palavras, indecisão diante de situações corriqueiras por medo que uma escolha errada possa desencadear alguma desgraça, pensamentos agressivos relacionados com morte, acidentes ou doenças são exemplos de sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo. drauziovarella.com.br

Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
(Publicidade)
n°9034
profhelena
profhelena
Escrito em 01/08/2014 às 18:29:35  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Gente, eu passei uma fase assim na pré adolescencia, quando meus pais estavam querendo se separar e eu também coçava e fazia feridas na cabeça. Eles nem se deram muito conta disso, mas a minha avó viu e começou a conversar muito comigo, me deu o carinho e a atenção que estavam me faltando e me tranquilizou que eu nunca ficaria sozinha. Com o tempo, a situação deles normalizou e a minha também!!
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
n°9036
sofia78
sofia78
Escrito em 01/08/2014 às 18:30:18  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
_Com certeza, é uma fase da tua vida pela qual estás passando e não chegas a mencionar, se fizeres uma análise quem sabe possas superar, e não hesite em procurar ajuda se for necessário. Psicólogos são maravilhosos guias para o entendimento pessoal!! ;)
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
n°9038
tereza98
tereza98
Escrito em 01/08/2014 às 18:31:49  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Acho que esse seu sintoma aparente é como se fosse a parte de cima do iceberg, você pode estar envolvida em uma série de transtornos emocionais, dos quais a coceira é o grito de alerta. Acho bem necessário que você procure ajuda psicológica para receber um suporte emocional!!!!

COMO CONTROLAR A ANSIEDADE

Qui, 21/02/2008 - 15h23



ansiedade
Foto: Push Pictures/Corbis

A gente vive ansiosa por vários motivos. Em algumas fases da vida, dá para contar nos dedos os dias em que conseguimos relaxar completamente.

PublicidadeA ansiedade não é considerada um problema pelos especialistas, mas sim uma reação normal do organismo. Entretanto, quando passa a prejudicar o nosso cotidiano, aí sim, é necessária a ajuda de um profissional.
Camila Aparecida, 26 anos, ficava com as mãos transpirando e não conseguia segurar nada por causa do tremor dos dedos. O coração ficava acelerado. Passava noites no banheiro com dor de barriga.
Momentos assim aconteceram várias vezes na vida dela. Em alguns deles, a sensação era ainda pior. "Parecia que o mundo acabaria, me dava uma sensação de fraqueza. Eu queria sumir. Só depois de várias sessões com uma psicóloga é que percebi o que eu sentia e passei a controlar a minha ansiedade', conta a estudante de contabilidade.
Segundo a psicóloga Leila Salomão, a ansiedade está muito próxima do medo - muitas vezes a diferenciação não é possível. "A diferença entre os dois está no fato de que o medo tem um fator real e palpável enquanto a ansiedade possui características mais subjetivas", explica.
Para Salomão, o grande sintoma de características psicológicas mostra a interseção entre o físico e o psíquico, uma vez que tem claros sintomas físicos como taquicardia (coração acelerado), tremores, tensão muscular, aumento das secreções (urinárias e fecais) ou ainda cefaléia (dor de cabeça). Mas quando recorrente e intensa também é chamada de Síndrome do Pânico (Crise ansiosa aguda).
Para relaxar
Na maioria das vezes, os tratamentos para ansiedade são técnicas de relaxamento, exercícios que levam ao controle da atividade do organismo, como meditação e ioga. "Outras medidas como o sono saudável e atividades prazerosas também funcionam", diz Leila. Fora isso, existem as terapias: cognitiva, comportamental e interpessoal.
Para Salomão, as terapias tradicionais podem indiretamente melhorar a ansiedade por meio do autoconhecimento, mas são pouco efetivas em curto e médio prazo. "Também existem medicamentos comprovadamente eficazes no tratamento dos transtornos de ansiedade, principalmente os antidepressivos e os ansiolíticos", finaliza.
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
(Publicidade)
n°9039
lolapp
lolapp
Escrito em 01/08/2014 às 18:32:42  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Gente, fiquei feliz de saber que outras pessoas também passam por situações parecidas e com certeza, me sinto mais animada a procurar uma ajuda. Muito obrigada a todos!
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
n°54753
Isabel1
isabel1
Escrito em 19/04/2017 às 00:41:03  answer
Avisar os moderadores em caso de abuso
 
Oi, eu já tive esse problema bem grave quando pequena, eu fazia feridas no couro cabeludo até sangrar e sentia vamos se dizer um "prazer" nisso, talvez era onde eu me aliviava. Mas quando fui crescendo eu comecei com outra atitude, eu mordia minhas bochechas por dentro e de certa forma isso me fazia sentir bem.
Só queria deixar aqui que você não é a única, eu também nunca fui procurar um especialista mas já li sobre o assunto!
Essa resposta foi útil Essa resposta me deixou mais aliviado
 Página :
1

Ir para:
Inserir nova resposta
  FÓRUM Doutissima

|-  Saúde

||-  Clínica Geral

|||-  Faço feridas na cabeça sem que eu perceba de tanto coçar?
 

Tópicos relacionados
Faço uso da fluoxetina, cafeina não inibe o seu efeito?Medo, vontade de chorar, calor na cabeça e rosto vermelho?
Como faço para ver se vou crescer na altura?O que faço para livrar minha filha dos piolhos?
Feridas que não cicatrizam, o que fazer?O que faço para saber se ainda sou virgem?
Dor no Estômago e Diarréia o que eu faço ?Eu faço muita retenção de líquidos, não consigo emagrecer...
Apareceram cristais de oxalato de cálcio na minha urina. O q eu faço??Minha irmã de 8 anos tem um caroço no peito esquerdo, o que eu faço?
Usei um brinco e começou a coçar, está inflamada e doendo...Como posso deixar de suar tanto??
Como faço para vencer a obesidade? 
Plus de sujets relatifs à : Faço feridas na cabeça sem que eu perceba de tanto coçar?

Os 5 tópicos de discussões anteriores Número de respostas Última mensagem
O que é retocolite ulcerativa? Tem cura? 8 01/08/2014 às 18:37:28
Quais são os sintomas da febre reumática? 8 01/08/2014 às 16:34:34
Septicemia tem cura? Qual o tratamento? 8 01/08/2014 às 15:59:10
O que é cólera e quais os sintomas? 8 01/08/2014 às 15:32:01
O que é septicemia e quais os sintomas? 8 01/08/2014 às 02:21:11